image

Corremos muito para chegar até aqui

O automobilismo foi a inspiração para a Renault dar a largada. Há mais de 120 anos surgia um novo carro, que tinha na potência sua marca registrada.

A adrenalina das pistas motivou os irmão Renault a desenvolver motores cada vez mais potentes.

Depois de percorrer tantos circuitos e ganhar tantas competições, a Renault chegou aos dias de hoje.

primeiros-dias

Renault , uma aposta vencedora

A Renault surgiu como uma aposta.
Os amigos de Louis Renault juraram que seu carro jamais subiria a rua Lepic, em Montmartre, a mais íngreme ladeira de Paris.
Para vencer a aposta, Luis criou o Voiturette A, primeiro carro da marca; e deu certo.
A performance dos motores Renault logo chamou a atenção nas pistas.
Em 1901, seus carros conquistaram as quatro primeiras colocações no rali Paris-Bordeaux e os dois primeiros no Paris-Berlim.
Mais que uma consagração dos seus motores e da sua performance, as competições automobilísticas foram a grande estratégia para tornar a marca conhecida.
E funcionou, a Renault ganhou fama batendo vários recordes de velocidade.

chegada-gordini

Gordini, o carro que virou lenda

Sua passagem pela história foi tão rápida quanto o carro nas pistas. Em 1958, nasceu o lendário Renault 8 Gordini, que rapidamente se tornou um símbolo de sucesso para uma geração de pilotos. O nome GORDINI foi uma homenagem ao seu criador, Amadeo Gordini, famoso projetista de carros de competição. A vocação esportiva do carro se explica: o veículo ágil e compacto acelerava de 0 a 100 km/h em cerca de 28 segundos e alcançava mais de 120 km/h, velocidade incrível para a época. A versão esportiva tinha carburador duplo, novo comando de válvulas e escapamento mais aberto, mudanças que faziam a potência do Gordini ir para 42 cv a 5.800 rpm. Em 1966, a grande popularidade do carro levou à criação da Copa Renault 8 Gordini. Em 1970, o lançamento do Renault 12 Gordini foi celebrado com o "G Day", um encontro de donos de Gordinis no Circuito Paul Ricard, na França. Ao mesmo tempo, foi lançada a Fórmula Renault que trazia em seus carros o consagrado motor do Renault 12 Gordini. Se no passado o Gordini foi objeto de desejo devido à sua esportividade, hoje ele é a paixão de colecionadores, mais uma recompensa por tantos anos de glória.

aquisicao-alpine

Aquisição da Alpine

Em 1973, a Renault se tornou acionista majoritária da Alpine. 1973 provou ser um bom ano para a marca, quando o Alpine A110 "Berlinette" venceu o primeiro Campeonato de Rally Mundial.

aquisicao-alpine

Dauphine: performance nas pistas e nas vendas

A performance do Dauphine foi bem além das pistas. Lançado em 1956, este sucessor do 4CV representava como nenhum outro a estética dos anos 60. Tinha equipamentos impensáveis nos veículos da época: câmbio automático, aquecimento interno e bancos reguláveis. Tantos diferenciais conquistaram o publico e fizeram do Dauphine um campeão de vendas com 2.150.738 unidades comercializadas até o seu último ano de fabricação, em 1967.

Nossa história na Fórmula 1

Renault e a competição de referência

primeiros-passos-f1

Primeiros passos na Fórmula 1

Nossa história com o automobilismo começou com a chegada da Amédée Gordini, conhecida por seus carros em grandes prêmios. A Renault construiu a fábrica de Viry-Châtillon para abrigar suas criações. Graças à Gordini, a Renault se concentrou primeiro em um motor V6 2.0 L, que foi revelado em janeiro de 1973. Ela passou a ser competitiva no famoso Campeonato Europeu de carros esportivos de 2 litros.

Motivada por este sucesso, a Renault entrou para o Campeonato Mundial de carros esportivos da FIA e desenvolveu uma versão turbo do motor.

A Renault Sport foi oficialmente fundada em 1976 quando um programa de competição de monopostos foi lançado:

Fórmula 2, Sport Le Mans e, então, a Fórmula 1 em 1977. A Renault deu seus primeiros passos na Fórmula 1 como equipe. A marca trilhou o caminho com uma inovação chave: o turbo. Com seus competidores usando motores atmosféricos, a Renault produziu um motor V6 com turbocompressor. Ao mesmo tempo, Didier Pironi e Jean-Pierre Jaussaud venceram as 24 Horas de Le Mans de 1978 em seu Alpine-Renault A442B, movido pelo motor Renault V6 turbo.

A Renault teve sua primeira vitória na Fórmula 1 em 1979, no Grande Prêmio da França, com Jean-Pierre Jabouille pilotando o RS11.

No início da década de 80, a Renault venceu 15 grandes prêmios e foi vice-campeã no Campeonato Mundial de 1983, graças a Alain Prost, antes dele deixar a competição no final da temporada de 1985.

A aposta da Renault no motor turbo, desacreditado na época, realmente compensou.

retorno-vitorioso

Retorno vitorioso

A Renault retornou à Fórmula 1 em 2001 quando comprou a equipe da Benetton, antes de mudar oficialmente o nome em 2002 para Equipe Renault F1.

O surgimento da Equipe Renault F1 coincide com o de um piloto chamado Fernando Alonso, que venceu 2 Campeonatos Mundiais consecutivos em 2005 e 2006.

A nova equipe também venceu 2 Mundiais de Construtores no mesmo período.

Em 2011, querendo focar suas atividades como fabricante de motores, a equipe foi vendida para a Genii Capital.

Foi assim que os motores Renault levaram a equipe Red Bull Racing à vitória do Campeonato Mundial com 4 títulos do Mundial de Construtores entre 2010 e 2013.

Sebastian Vettel entrou para o livro dos recordes ao se tornar o mais jovem tetracampeão na história da Fórmula 1.

A lista de honra da Renault não tem paralelos na Fórmula 1.

Em seus 38 anos, a Renault competiu com sucesso com os melhores da F1®.

Nossa lista de honra não tem paralelos com:

12 Mundiais de Construtores
11 Campeonatos Mundiais
165 vitórias
213 pole positions: um recorde batido em 2013!

renault-sport-2019

Renault Sport 2020

Para a temporada 2020, a Renault F1 Team renovou com o piloto australiano Daniel Ricciardo e trouxe o jovem piloto francês Esteban Ocon. Uma mudança importante, que com certeza fará a equipe acelerar em direção ao topo do ranking.
 

Renault em competições

renault-competicoes

Fórmula 1

A temporada 2020 vai começar em 24 de maio com o GP de Mônaco. A equipe Renault Formula One Team estará presente mais uma vez. Siga nossa página no Facebook e acompanhe todas as novidades da Renault Sport Formula One Team.

FIQUE POR DENTRO

Você de Renault